terça-feira, 28 de outubro de 2008

Curso incentiva Bonito na criação de roteiros de Observação de Aves


Participantes do curso durante trabalho de campo Fotos: Daniel De Granville

De 20 a 26 de outubro aconteceu em Bonito-MS a primeira edição do "Curso e Workshop de Observação de Aves", através de uma iniciativa da Atratur - Associação dos Atrativos Turísticos de Bonito e região - e outros parceiros. O curso orientou guias de turismo e monitores no desenvolvimento da atividade da região. O evento despertou o interesse dos empresários da cidade. Os donos de hotéis e atrativos turísticos de Bonito puderam participar de um Workshop com orientações e dicas para quem quer desenvolver roteiros de observação de aves em seus empreendimentos.

Sob a orientação dos biólogos Maria Antonietta Pivatto (Tietta) e Daniel De Granville, os participantes contaram com sete dias de atividades teóricas e práticas. Segundo Tietta, com guias e monitores preparados, os empresários sentem mais segurança em desenvolver roteiros de observação de aves. Para a bióloga, o empenho da Atratur em desenvolver o curso e a grande procura dos guias aliados às inúmeras espécies de pássaros já catalogadas na região representa o grande potencial local de implementar a atividade de observação de aves nos roteiros turísticos. "O que mais me chamou a atenção foi a capacidade de percepção dos guias e a forma mais estreita como passaram a lidar com a natureza", completa Tietta.

Para o presidente da Atratur Ricardo Constantino, esse foi o primeiro passo de muitos outros que ainda virão para que o roteiro de observação de aves se consolide em Bonito. Segundo ele, a contratação de profissionais para levantamento das espécies de aves e o estímulo de guias e monitores são ações imediatas para fazer o processo andar. "Com ações como essa é possível montar roteiros integrados de observação, para que o turista tenha a oportunidade de realizar a atividade em vários locais", comenta Ricardo. A proprietária do atrativo turístico Ybirapê Arvorismo, Sônia Rodrigues, comenta que nenhuma iniciativa prática foi tomada ainda, mas que está muito animada para fazer a atividade se consolidar: "É muito importante a união de forças para colocar em prática as ações da Atratur, e assim os empresários poderão adequar seus receptivos para receber observadores de aves".

Há dois anos e meio trabalhando como guia de turismo em Bonito e região Rogério Alves conta que o curso superou suas expectativas: "Nós já trabalhamos com essa atividade e sabemos da importância da promoção de cursos com esse. Acredito que esse foi o 1º passo, ainda temos muito que aprender". Para Rogério, os guias ainda não se atentaram para as novas oportunidades de trabalho que os roteiros de observação de aves oferecem, e ainda completa: "O pessoal está empolgado, é preciso manter a idéia acesa".

Assessoria de Imprensa
Recanto Ecológico Rio da Prata
Estância Mimosa Ecoturismo
http://www.bonitoweb.com.br/

Nenhum comentário: