quinta-feira, 27 de junho de 2013

História de uma muda - Bocaiúva ou Macaúba

A Bocaiúva ou Macaúba “Acrocomia aculeata” é uma palmeira imponente tal como as imperiais, mas seu tronco e suas folhas são cheia de grandes espinhos.


 Pendem cachos lotados de frutos com polpa carnuda e amarelada envolvendo a semente. O coquinho da Bocaiúva é muito apreciado não só pelos animais, mas também pelas crianças e adultos.

No Mato Grosso do Sul devido ainda existir bastante exemplares da palmeira pelos campos das fazendas, as pessoas utilizam na culinária com maravilhosas receitas de sorvetes, mousse, farinha e bolos. Também tem o costume de colocar uma bocaiúva na boca e mastigar sua doce polpa por horas, dando lhe o apelido de “chiclete de bugre”.

A palmeira Bocaiúva como todos os seres vivos também tem sua função na natureza, além de fornecer frutos, sombras, purificação do ar e proteção da terra, após a morte de sua copa o tronco da bocaiúva serve de ninhos para as aves principalmente do grupo dos Psitacídeos Araras, Periquitos e Papagaios.


No viveiro de mudas nativas da Reserva Particular do Patrimônio Natural (RPPN) Fazenda Cabeceira do Prata, são feitas mudas de Bocaiúva durante todo o ano.

Nos períodos de frutificação são coletados os coquinhos que caíram, após a secagem da polpa são armazenados e colocados para plantio, mas a germinação pode demorar até seis meses. Outra forma mais prática que utilizamos na fazenda para produzir as mudas, é deixar os coquinhos que caírem naturalmente amontoados no pé da palmeira e cobri-los com folhas da varrição do quintal, poucos meses depois os coquinhos estarão em sua maioria germinados, daí é só transplantá-los cuidadosamente para tubetes ou saquinhos.

Informações Osvaldo Esterquile Júnior (Eng. Ambiental)

4 comentários:

Anônimo disse...

BOA NOITE, ME CHAMO HÉLIO E TENHO MUITO INTERESSE EM CONSEGUIR GERMINAR SEMENTES DE BOCAIÚVA PARA POSTERIORMENTE FAZER O PLANTIO EM ÁREAS URBANAS E TAMBÉM NATIVAS, MAS NÃO CONSIGO FAZER AS SEMENTES GERMINAR, GOSTARIA DE SABER O PASSO A PASSO DE COMO GERMINAR AS SEMENTES E ENTENDER TODO O PROCESSO, TEMPO E ADUBAÇÃO. AGRADEÇO PELA ATENÇÃO E AGUARDO RETORNO.... email: adm.ufms@hotmail.com

Daniel Dias Santos disse...

Meu amigo, quem sabe nao ensina essa e a verdade eles so enrrola, mais eu fiz o teste e vo te falar como eu fiz, eu so do mato meio caipira emtende? Eu peguei os coquinhos quando caiu do pé, coloquei uns 50 coco dentro de uma lata de 20 lito por meio de terra preta a lata com o fundo furado com 3 furos pequenos coloquei os coquinhos e cobri com um pouco de terra e folhas e molhei todos os dias pela manha imcansavelmente e com 5 meses eles germonarao e eu trasplantei em saquinho deu certo, espero ter ti ajudado e que com vc de certo tanbem, um abraço

Daniel Dias Santos disse...

Meu amigo, quem sabe nao ensina essa e a verdade eles so enrrola, mais eu fiz o teste e vo te falar como eu fiz, eu so do mato meio caipira emtende? Eu peguei os coquinhos quando caiu do pé, coloquei uns 50 coco dentro de uma lata de 20 lito por meio de terra preta a lata com o fundo furado com 3 furos pequenos coloquei os coquinhos e cobri com um pouco de terra e folhas e molhei todos os dias pela manha imcansavelmente e com 5 meses eles germonarao e eu trasplantei em saquinho deu certo, espero ter ti ajudado e que com vc de certo tanbem, um abraço

Euseias disse...

Amigo, eu colhi uns 40 cocos em baixo da palmeira, coloquei em um caixote com folhas que apanhei em baixo das árvores e um pouco de adubo de curral com um pouco de terra. Eu cobri os comerciantes cocos de molhava uma vez por semana ou quando lembrava. Desses 40 cocos, uns 6 ou sete meses depois nasceram apenas uns cinco, o resto não germinou. Faça o teste e boa sorte. Obs. Deixei o caixote com os cocos a sombra de uma árvores, pegava pouco sol.