sexta-feira, 31 de outubro de 2008

Bonito lança projeto Caminhos do Sabor em parceria com o SEBRAE


No dia 4 de novembro de 2008 acontece em Bonito-MS o lançamento do projeto Caminhos do Sabor - A união faz o destino. Com o apoio do SEBRAE, a ação pretende valorizar os atrativos turísticos da gastronomia local, melhorar a qualificação profissional nos estabelecimentos do setor de alimentação e aumento da competitividade entre os principais destinos turísticos brasileiros.

O coquetel de lançamento será no Hotel Águas de Bonito à Rua 29 de Maio, 1679, Vila América. O evento tem início prevista para às 19:00.

Assessoria de Imprensa
Recanto Ecológico Rio da Prata
Estância Mimosa Ecoturismo
http://www.bonitoweb.com.br/

Com informações do SEBRAE

quinta-feira, 30 de outubro de 2008

Sebrae convida para a inauguração do Posto Avançado em Bonito-MS


Fonte: Sebrae

Abeta promove em Bonito-MS oficina para disseminação de práticas socioambientais

No dia 18 de novembro acontece na cidade de Bonito-MS a Oficina de Disseminação de Práticas Socioambientais. O evento tem como objetivo disseminar informações para o fortalecimento das práticas sustentáveis apilcáveis às atividades de ecoturismo e turismo de aventura, visando estabelecer e ampliar condutas éticas nas empresas.

Programação:

Data: 18/11/2008

Horário:

Oficina teórica: 09h00 às 15h30 (com parada para almoço)
Oficina prática: 16h00 às 18h00

Local:

Oficina teórica:

Brazil Bonito
Rua 24 de Fevereiro, 1515

Oficina prática:

Balneário Municipal

Mais informações através dos telefones (11) 3868-3857 ou (11) 3871-3857 ou pelo e-mail
socioambiental@abeta.com.br

Ficha de inscrição através do site:
http://www.abeta.com.br/aventura-segura/socioambiental

Assessoria de Imprensa
Recanto Ecológico Rio da Prata
Estância Mimosa Ecoturismo
www.bonitoweb.com.br

Com informações da Abeta

quarta-feira, 29 de outubro de 2008

Bonito (MS) é campeão absoluto pela 7ª vez como o Melhor Destino de Ecoturismo do Brasil.

Flutuação no Rio da Prata/ Bonito-MS Foto: Andre Seale


Mais uma vez é Bonito (MS) recebe o prêmio de Melhor Destino de Ecoturismo do Brasil, pela revista Viagem e Turismo da Editora Abril.O Prêmio O Melhor de Viagem - A escolha do leitor elege os mais-mais do setor turístico brasileiro. Hotéis, restaurantes, praias, parques, companhias aéreas e operadoras estão entre os segmentos reconhecidos. Criado em 2001, ganhou, ao longo destes anos, novas categorias, como a de melhor destino de ecoturismo no Brasil e no mundo e de melhor spa do Brasil. A votação é realizada via internet, pelo http://viajeaqui.abril.com.br.

Em 2008, o prêmio chega a sua oitava edição com 22 categorias e 230 finalistas, porém a categoria de Melhor Destino de Ecoturismo do Brasil foi instituída em 2002, sendo que desde então, somente Bonito (MS) tem sido o vencedor nesses 7 anos.

Aproximadamente 700 pessoas do mercado turístico brasileiro estiveram presentes na festa de premiação da revista Viagem e Turismo, realizada no Morro da Urca, no Rio de Janeiro, em 24 de outubro. Numa noite quente na capital carioca, com o cenário das praias e do Cristo Redentor ao fundo, a festa revelou os campeões das 22 categorias e 230 finalistas da oitava e edição do prêmio.

Na festa, estiveram presentes o José Arthur Soares de Figueiredo e Augusto Barbosa Mariano, respectivamente Prefeito e Secretário de Turismo de Bonito (MS) além de empresários do Trade de Bonito (MS), onde receberam a homenagem através de Caio de Paula, Diretor do Núcleo de Turismo da Editora Abril.

A liderança do Município é afirmada através dos ecoturistas, porém esta preferência é um resultado do esforço pela excelência no bem receber, assim como a conservação ambiental, através dos setores público e privado, assim como a própria comunidade.

Esse santuário ecológico é conhecido pelo seu trabalho em prol da sustentabilidade, encontrando soluções para o desenvolvimento, respeitando a Natureza, onde há produção rural, ecoturismo, dentre outras atividades, numa convivência harmônica.

Além de uma boa oferta de serviços ao turista e um modelo turístico com base no controle da visitação aos atrativos, Bonito (MS) conta com 100% de rede de coleta do esgoto, uma estação de tratamento moderna, além de outras medidas para garantir um futuro, tanto na geração de ocupação e renda, como o respeito à própria Natureza.

Fonte: Secretaria Municipal de Turismo, Indústria e Comércio de Bonito (MS)

terça-feira, 28 de outubro de 2008

Recanto Ecológico Rio da Prata e Programa Aventura Segura




Seguindo as normas do programa Aventura Segura da ABETA - Associação Brasileira de Empresas de Ecoturismo e Turismo de Aventura -, o Recanto Ecológico Rio da Prata procura adaptar e melhorar a qualidade de seu receptivo a fim de oferecer serviços de qualidade para o turista. Novos corrimãos foram construídos na escada de descida da caminhonete que leva os turistas do receptivo até o início da trilha que leva à flutuação. O objetivo é garantir a segurança dos visitantes, impedindo possíveis acidentes.

OBJETO DO PROGRAMA AVENTURA SEGURA

Fortalecer, qualificar e estruturar o segmento do turismo de aventura no Brasil realizando iniciativas voltadas para o desenvolvimento com qualidade, sustentabilidade e segurança.

OBJETIVO GERAL

Melhorar a qualidade, a segurança e a competitividade dos profissionais e empresas do segmento de turismo de aventura no país através de ações de qualificação, certificação e disseminação de conhecimento.

OBJETIVOS ESPECÍFICOS

-Fortalecimento e articulação de organizações representativas do segmento do turismo de aventura;
-Elaboração de planejamento estratégico para o desenvolvimento do segmento de turismo de aventura com qualidade, sustentabilidade e segurança;
-Disseminação de conhecimento técnico relacionado à gestão empresarial e operação responsável e segura do segmento de turismo de aventura;
-Qualificar empreendedores e gestores do segmento para a implementação do sistema de gestão da segurança para o turismo de aventura;
-Apoiar a assistência técnica às Micro e Pequenas Empresas - MPE, para adoção de boas práticas de gestão da segurança no Turismo de Aventura e implementação dos requisitos da Norma, visando sua certificação;
-Implementar ações de avaliação da conformidade para profissionais e empresas baseadas na norma ABNT NBR 15331;
-Monitorar e avaliar os impactos da normalização, qualificação e certificação em turismo de aventura;
-Organização, qualificação e estruturação de Grupos Voluntários de Busca e Salvamento GVBS;
-Incentivar o desenvolvimento de destinos referência na operação responsável e segura do turismo de aventura;

Fotos: Divulgação Rio da Prata


Com informações da ABETA

Curso incentiva Bonito na criação de roteiros de Observação de Aves


Participantes do curso durante trabalho de campo Fotos: Daniel De Granville

De 20 a 26 de outubro aconteceu em Bonito-MS a primeira edição do "Curso e Workshop de Observação de Aves", através de uma iniciativa da Atratur - Associação dos Atrativos Turísticos de Bonito e região - e outros parceiros. O curso orientou guias de turismo e monitores no desenvolvimento da atividade da região. O evento despertou o interesse dos empresários da cidade. Os donos de hotéis e atrativos turísticos de Bonito puderam participar de um Workshop com orientações e dicas para quem quer desenvolver roteiros de observação de aves em seus empreendimentos.

Sob a orientação dos biólogos Maria Antonietta Pivatto (Tietta) e Daniel De Granville, os participantes contaram com sete dias de atividades teóricas e práticas. Segundo Tietta, com guias e monitores preparados, os empresários sentem mais segurança em desenvolver roteiros de observação de aves. Para a bióloga, o empenho da Atratur em desenvolver o curso e a grande procura dos guias aliados às inúmeras espécies de pássaros já catalogadas na região representa o grande potencial local de implementar a atividade de observação de aves nos roteiros turísticos. "O que mais me chamou a atenção foi a capacidade de percepção dos guias e a forma mais estreita como passaram a lidar com a natureza", completa Tietta.

Para o presidente da Atratur Ricardo Constantino, esse foi o primeiro passo de muitos outros que ainda virão para que o roteiro de observação de aves se consolide em Bonito. Segundo ele, a contratação de profissionais para levantamento das espécies de aves e o estímulo de guias e monitores são ações imediatas para fazer o processo andar. "Com ações como essa é possível montar roteiros integrados de observação, para que o turista tenha a oportunidade de realizar a atividade em vários locais", comenta Ricardo. A proprietária do atrativo turístico Ybirapê Arvorismo, Sônia Rodrigues, comenta que nenhuma iniciativa prática foi tomada ainda, mas que está muito animada para fazer a atividade se consolidar: "É muito importante a união de forças para colocar em prática as ações da Atratur, e assim os empresários poderão adequar seus receptivos para receber observadores de aves".

Há dois anos e meio trabalhando como guia de turismo em Bonito e região Rogério Alves conta que o curso superou suas expectativas: "Nós já trabalhamos com essa atividade e sabemos da importância da promoção de cursos com esse. Acredito que esse foi o 1º passo, ainda temos muito que aprender". Para Rogério, os guias ainda não se atentaram para as novas oportunidades de trabalho que os roteiros de observação de aves oferecem, e ainda completa: "O pessoal está empolgado, é preciso manter a idéia acesa".

Assessoria de Imprensa
Recanto Ecológico Rio da Prata
Estância Mimosa Ecoturismo
http://www.bonitoweb.com.br/

sexta-feira, 24 de outubro de 2008

Enquanto isso na fazenda...

As funcionárias da Estância Mimosa mantêm tudo organizado para receber os turistas. Cuidam da loja, do caixa e da recepção! Todo mundo com a mão na massa!



Fotos: Divulgação Estância Mimosa


IESF de Bonito oferece vagas para dois cursos

Localizado ao sul do Pantanal Brasileiro, no Estado de Mato Grosso do Sul, Bonito é a principal cidade da região turística da Serra da Bodoquena. Pensando no desenvolvimento do município e na preservação do meio-ambiente, o Instituto de Ensino Superior da Funlec (Iesf) oferece os cursos de administração e turismo, que atrai acadêmicos de toda a região sudoeste de Mato Grosso do Sul.

O curso de administração funciona há sete anos na cidade de Bonito, é o único curso presencial da região e forma anualmente profissionais com espírito empreendedor, senso crítico e formação humanística. Segundo a coordenadora do Iesf de Bonito, Professora Especialista Rosana Domingues, as oportunidades de trabalho no local são amplas, faltam estagiários e profissionais habilitados na região. Em quatro anos de curso, o administrador é capacitado para trabalhar em cargos de gerência, chefia e diretoria. Os alunos são convidados a expandir o conhecimento adquirido em sala de aula participando de aulas extra-classe e projetos de extensão promovidos pelo Iesf em parceria com organizações, tais como o Sindicato Rural, a Associação Comercial o Serviço de Apoio à Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), entre outras organizações.

Bonito foi escolhido pelo Ministério do Turismo como um dos 65 destinos indutores do desenvolvimento do turismo do Brasil, esse fator contribuiu para a popularidade do curso de turismo na região. No Iesf de Bonito, o acadêmico tem a oportunidade de exercer atividades práticas no maior e melhor laboratório de Eco-turismo do Brasil, o mercado de trabalho local oferece oportunidades de trabalho em hotéis, atrativos turísticos, agências e operadoras de turismo e em projetos de desenvolvimento da atividade turística do Estado e do País.

Neste ano o Iesf oferece 50 vagas para o curso de administração e 100 para o curso de turismo. As inscrições para o vestibular já podem ser feitas, pelo site (
www.funlec.com.br) ou no Iesf, localizado na Rua Cel. Pilad Rebuá s/n. O processo seletivo será realizado no dia 26 de outubro, às 14 horas. Para mais informações ligue.

Fonte: MS Notícias

segunda-feira, 20 de outubro de 2008

Prêmio Surpresa - Promoção Prata e Mimosa

Carina, promotora de vendas do Prata e da Mimosa, premiando Janete
Mauri, Janete e Dione da agência de turismo Tucano Tour

Saiu o resultado do 2º Prêmio surpresa da promoção Prata e Mimosa. A sortuda da vez foi a Janete, da agência de turismo "Tucano Tour", de Bonito-MS.

A Janete ganhou um relógio Dalgas na companhia de seus colegas de trabalho Dione e Mauri, também da Tucano.

Parabéns Janete!

Fotos: Divulgação Rio da Prata e Mimosa

Enquanto isso na fazenda...




São eles que garantem os pecados da gula na Estância Mimosa em Bonito-MS. A equipe que pilota a cozinha da fazenda deixa os turistas com água na boca. A famosa comida e os quitutes da Mimosa atraem visitantes que procuram pelas delícias regionais de Mato Grosso do Sul.

O Nivaldo, a Hilária e a Fátima são membros da Equipe Mimosa e assim como os demais, se preocupam sempre em garantir qualidade ao turista. No caso deles, garantem alguns quilinhos a mais também!

Fotos: Divulgação Estância Mimosa

sexta-feira, 17 de outubro de 2008

Trem do Pantanal na ABAV 2008 - Lançamento oficial

A Fundação de Turismo de Mato Grosso do Sul convida para o lançamento oficial do "Trem do Pantanal" no Estande de Mato Grosso do Sul no centro de eventos Rio Centro-RJ durante a Feira das Américas - 36º Congresso brasileiro de Agências de Viagens - que acontece de 22 a 24 de outubro.




Fonte: Fundação de Turismo de Mato Grosso do Sul (Fundtur)

Dica de Blog

Ótima opção pra quem está procurando dicas, informações, cotações de preços, hospedagem, roteiros, e muito mais para uma boa viagem. O "Turismo e Variedades" é um blog interativo que deixa o leitor com vontade de viajar!
Dá uma passadinha e confira tudo isso:
- Acessórios Para Viagem
- Agência de Viagem
- Cruzeiros Marítimos
- Curso de Idiomas no Exterior
- Cursos Diversos Online
- Filmadoras e Câmeras Digitais
- Hotéis Internacionais Informática e Internet
- Intercâmbio Livros e Guias de Viagem em Inglês
- Livros e Guias de Viagem em Português
- Pacote Turístico Internacional
- Passagem Aérea Internacional
- Passagem de Ônibus
- Resorts
- Revelação de Fotos Digitais
- Turismo de Negócios
- Vagas de Estágio e Emprego
- Portais de Viagem
- Vagas de Estágio e EmpregoVagas em Turismo e Hotelaria
- Vagas Para Estagiários
-Vagas Para Profissionais
- Pesquise Tarifas em Hotéis
- Viagem de Negócios ou em Férias
- Reserve o seu Hotel
O "Turismo e Variedades" é parceiro do Recanto Ecológico Rio da Prata e da Estância Mimosa Ecoturismo.

quinta-feira, 16 de outubro de 2008

Fórum Nacional pretende debater os desafios para a comercialização do ecoturismo


De 7 a 10 de dezembro será realizado em Bonito-MS o Fórum Nacional do Mercado de Ecoturismo. O evento tem como objetivo debater as tendências e os desafios do ecoturismo no Brasil. O desenvolvimento do marketing e a comercialização de destinos, produtos e serviços de ecoturismo serão os focos das palestras.

O Fórum pretende atingir uma esfera ampla de público, já que o trabalho com o ecoturismo depende da união e desempenho de vários setores. Para ocupar as cadeiras do evento serão convidados representantes de micro e pequenas empresas de ecoturismo e turismo de natureza; Empresários de eco-hotéis, eco-pousadas e de hotéis-fazenda; Operadores e agências de turismo; Organizações e serviços de apoio a empresas que atuam no segmento; Universidades, faculdades e instituições de ensino e pesquisa na área de turismo e hotelaria; Turismólogos e profissionais que atuam no setor; Acadêmicos de turismo e estudantes do ensino técnico; ONGs - Organizações não governamentais; Profissionais e técnicos do segmento que atuam nos Parques Nacionais e Governo: esfera municipal, estadual e federal.

O Fórum Nacional do Mercado de Ecoturismo acontecerá no Centro de Convenções de Bonito. Informações e inscrições através do site:
www.forumecoturismo.com.br.

quarta-feira, 15 de outubro de 2008

Sol, água, futebol e tênis movimentam Bonito em dezembro

 CAMPO GRANDE/MS - Não bastassem o calor tropical de dezembro e as translúcidas águas dos rios, cachoeiras, grutas e balneários de Bonito, no Mato Grosso do Sul, a cidade - considerada a capital do brasileira do ecoturismo - vai se movimentar no mês de dezembro em torno de duas competições esportivas nacionais. O principal hotel da região - o Zagaia Eco Resort - vai sediar, de 05 a 07/12, a XI Copa de Futebol Society e o Torneio de Tênis de Bonito.

As disputas - que tradicionalmente atraem participantes de várias regiões do Brasil - ganham mais peso este ano pelo menos em dois aspectos: serão realizadas em período de início de férias escolares - facilitando o deslocamento e a participação de famílias inteiras - e antecipam as comemorações das festas de final de ano, permitindo a confraternização entre amigos e familiares em um ambiente de total relaxamento.

Além da programação intensiva que a organização dos dois torneios está preparando, os participantes poderão usufruir de toda as estrutura do hotel. O Zagaia conta com duas piscinas adultas tropicais, uma piscina infantil, piscina de biribol, spa com piscina aquecida e cascata, hidromassagem, sala de ginástica, sauna panorâmica, sala para massagem, equipe de monitores, lago para pesca, quadra de areia para vôlei, boutique, coffee shop, dois restaurantes e trilha ecológica além de campos de futebol com iluminação e quadras de saibro para a prática do tênis.

Também há opções para dezenas de passeios ecológicos por toda a região de Bonito e Serra da Bodoquena que podem ser agendados a partir do próprio hotel. Para o período de 05 a 07 de dezembro o Zagaia está oferecendo pacotes promocionais que incluem três dias de hospedagem com duas diárias com café da manhã, dois jantares e dois almoços. Informações e reservas podem ser feitas através de ligação gratuita pelo fone: 0800-979-4400 ou por e-mail pelo endereço:
reservas@zagaia.com.br .

Os regulamentos dos dois torneios nacionais serão divulgados dentro dos próximos dias. As inscrições de equipes devem ser feitas pelos fones (67) 3029-8911 ou (67) 8116-8379. Já os associados do Rádio Clube, em Campo Grande/MS podem organizar suas equipes para futebol e tênis junto ao à assessoria do clube, mantendo contato com o Sr. Marcos Guimarães através do fone (67) 3321-0131.

Fonte: Ariosto Mesquita - Jornalista

terça-feira, 14 de outubro de 2008

Projeto Economia da Experiência


Fonte: Atratur

segunda-feira, 13 de outubro de 2008

Inauguração da sede da Fundação de Turismo de MS

Fonte: Fundtur

Motivos para se orgulhar do nosso país - Brasil, nossa pátria amada!

O QUE UMA ESCRITORA HOLANDESA FALOU DO BRASIL:

Os brasileiros acham que o mundo todo presta, menos o Brasil, realmente parece que é um vício falar mal do Brasil. Todo lugar tem seus pontos positivos e negativos, mas no exterior eles maximizam os positivos, enquanto no Brasil se maximizam os negativos. Aqui na Holanda, os resultados das eleições demoram horrores porque não há nada automatizado. Só existe uma companhia telefônica e pasmem!: Se você ligar reclamando do serviço, corre o risco de ter seu telefone temporariamente desconectado.

Nos Estados Unidos e na Europa, ninguém tem o hábito de enrolar o sanduíche em um guardanapo - ou de lavar as mãos antes de comer. Nas padarias, feiras e açougues europeus, os atendentes recebem o dinheiro e com mesma mão suja entregam o pão ou a carne. Em Londres, existe um lugar famosíssimo que vende batatas fritas enroladas em folhas de jornal - e tem fila na porta. Na Europa, não-fumante é minoria. Se pedir mesa de não-fumante, o garçom ri na sua cara, porque não existe. Fumam até em elevador.

Em Paris, os garçons são conhecidos por seu mau humor e grosseria e qualquer garçom de botequim no Brasil podia ir pra lá dar aulas de 'Como conquistar o Cliente'. Você sabe como as grandes potências fazem para destruir um povo? Impõem suas crenças e cultura. Se você parar para observar, em todo filme dos EUA a bandeira nacional aparece, e geralmente na hora em que estamos emotivos. Vocês têm uma língua que, apesar de não se parecer quase nada com a língua portuguesa, é chamada de língua portuguesa, enquanto que as empresas de software a chamam de português brasileiro, porque não conseguem se comunicar com os seus usuários brasileiros através da língua Portuguesa.

Os brasileiros são vitimas de vários crimes contra a pátria, crenças, cultura, língua, etc... Os brasileiros mais esclarecidos sabem que temos muitas razões para resgatar suas raízes culturais.

Os dados são da Antropos Consulting:

1- O Brasil é o país que tem tido maior sucesso no combate à AIDS e de outras doenças sexualmente transmissíveis, e vem sendo exemplo mundial.
2- O Brasil é o único país do hemisfério sul que está participando do Projeto Genoma.
3- Numa pesquisa envolvendo 50 cidades de diversos países, a cidade do Rio de Janeiro foi considerada a mais solidária.
4- Nas eleições de 2000, o sistema do Tribunal Regional Eleitoral (TRE) estava informatizado em todas as regiões do Brasil, com resultados em menos de 24 horas depois do início das apurações. O modelo chamou a atenção de uma das maiores potências mundiais: os Estados Unidos, onde a apuração dos votos teve que ser refeita várias vezes, atrasando o resultado e colocando em xeque a credibilidade do processo.
5- Mesmo sendo um país em desenvolvimento, os internautas brasileiros representam uma fatia de 40% do mercado na América Latina.
6- No Brasil, há 14 fábricas de veículos instaladas e outras 4 se instalando, enquanto alguns países vizinhos não possuem nenhuma.
7- Das crianças e adolescentes entre 7 a 14 anos, 97,3% estão estudando.
8- O mercado de telefones celulares do Brasil é o segundo do mundo, com 650 mil novas habilitações a cada mês.
9- Na telefonia fixa, o país ocupa a quinta posição em número de linhas instaladas.
10- Das empresas brasileiras, 6.890 possuem certificado de qualidade ISO-9000, maior número entre os países em desenvolvimento. No México, são apenas 300 empresas e 265 na Argentina.
11- O Brasil é o segundo maior mercado de jatos e helicópteros executivos.

Por que vocês têm esse vício de só falar mal do Brasil?

1- Por que não se orgulham em dizer que o mercado editorial de livros é maior do que o da Itália, com mais de 50 mil títulos novos a cada ano?
2- Que têm o mais moderno sistema bancário do planeta?
3- Que suas agências de publicidade ganham os melhores e maiores prêmios mundiais?
4- Por que não falam que são o país mais empreendedor do mundo e que mais de 70% dos brasileiros, pobres e ricos, dedicam considerável parte de seu tempo em trabalhos voluntários?
5- Por que não dizem que são hoje a terceira maior democracia do mundo?
6- Que apesar de todas as mazelas, o Congresso está punindo seus próprios membros, o que raramente ocorre em outros países ditos civilizados?
7- Por que não se lembram que o povo brasileiro é um povo hospitaleiro, que se esforça para falar a língua dos turistas, gesticula e não mede esforços para atendê-los bem? Por que não se orgulham de ser um povo que faz piada da própria desgraça e que enfrenta os desgostos sambando.

É! O Brasil é um país abençoado de fato. Bendito este povo, que possui a magia de unir todas as raças, de todos os credos. Bendito este povo, que sabe entender todos os sotaques. Bendito este povo, que oferece todos os tipos de climas para contentar toda gente. Bendita seja, querida pátria chamada Brasil!! Divulgue esta mensagem para o máximo de pessoas que você puder. Com essa atitude, talvez não consigamos mudar o modo de pensar de cada brasileiro, mas ao ler estas palavras irá, pelo menos, por alguns momentos, refletir e se orgulhar de ser BRASILEIRO!!!

sexta-feira, 10 de outubro de 2008

Curso de observação de aves pretende incentivar a atividade em Bonito e região

Gralha Azul - Daniel de Granville


Canário da Terra - Daniel de Granville

Com mais de 400 espécies de pássaros catalogadas, a região de Bonito e Serra da Bodoquena começa a dar os primeiros passos para entrar nos roteiros de observação de aves do Brasil. A Atratur - Associação dos Atrativos Turísticos de Bonito e Região - em parceria com a empresa Photo Innatura realiza o 1º Curso de Observação de Aves em Bonito-MS.

A iniciativa pretende orientar guias de turismo de Bonito e região para a atividade de observação de aves. O evento despertou a atenção dos empresários também. Junto com o curso será realizado um Workshop para donos de hotéis e atrativos que se interessem em desenvolver a atividade na região. O curso e o Workshop serão ministrados pelos biólogos Maria Antonietta Pivato (Tietta) e Daniel de Granville.

Segundo Tietta, a região de Bonito possui grande potencial para oferecer esse tipo de passeio: "A região tem espécies que atrairão os turistas iniciantes e de nível médio". Ela ainda comenta que o incentivo para essa atividade é fruto de seu mestrado sobre o potencial do Pantanal Sul e de Bonito em observação de aves, concluído em 2004: "A partir daí, eu vi a necessidade de expandir a atividade e de incentivar os guias". E a bióloga completa de forma humorada: "Para ser observador de aves tem que gostar muito, principalmente de acordar cedo".

O curso será realizado de 20 a 26 de outubro. No primeiro dia (20/10) será realizada uma palestra aberta à comunidade sobre o turismo de observação, seu potencial econômico e principais aves da região. As aulas do workshop serão intercaladas às aulas para os guias. Apenas na segunda e quinta-feira à noite as turmas trabalharão unidas. As inscrições vão até o dia 13 de outubro, com limite de 20 pessoas. Para se inscrever é preciso preencher o formulário e enviar para a Atratur através do e-mail:
atratur@atrativosbonito.com.br

MAIORES INFORMAÇÕES:

ASSOCIAÇÃO DOS ATRATIVOS TURÍSTICOS DE BONITO E REGIÃO (ATRATUR)
(67) 3255-2245 8405-6451 ou 8427-7734 com Nádila
atratur@atrativosbonito.com.br ou nadila@atrativosbonito.com.br.

Com informações da Atratur

Assessoria de Imprensa
Recanto Ecológico Rio da Prata
Estância Mimosa Ecoturismo
www.bonitoweb.com.br





quinta-feira, 9 de outubro de 2008

Dia das crianças- Opção de passeio para a criançada aproveitar

Bonito, Mato Grosso do Sul

Brincadeiras em meio à natureza - Bonito é um grande parque natural de diversões aquáticas. A atividade mais famosa é a flutuação nos rios cristalinos da região. Usando roupas de neoprene, máscara e snorkel, todo mundo desce flutuando ao sabor da correnteza, cercado de peixes coloridos e plantas aquáticas. A gruta do Lago Azul (para maiores de 5 anos) e o Parque Ecológico Baía Bonita, que tem cama elástica flutuante (dentro d’água!) e um museu de história natural, são outros programas para os mini-ecoturistas. No Zagaia Eco Resort, os monitores entretêm as crianças com trilhas em mata fechada, pescaria e brincadeiras na piscina infantil, além de jogos educativos, caça ao tesouro e vôlei com bexiga.

O Recanto Ecológico Rio da Prata oferece passeio de flutuação para grupos de crianças acima de 8 anos, acompanhadas dos pais ou responsáveis. O pequenos podem desfrutar do passeio com muita segurança. É diversão garantida!

Fonte: Viaje Aqui

terça-feira, 7 de outubro de 2008

Bonito Solidário

O Instituto do Câncer de Mama está com uma importante campanha.

Cabe a nós atendermos sua solicitação e ampará-lo, pois se depender do Governo (Federal/Estadual/Municipal) será seu fim!!!

Vamos salvar o site do câncer de mama?

Não custa nada.

O Site do câncer de mama está com problemas, pois não tem o número de acessos e cliques necessários para alcançar a cota que lhes permite oferecer UMA mamografia gratuita diariamente a mulheres de baixa renda. Demora menos de um segundo, ir ao site e clicar na tecla cor-de-rosa que diz 'Campanha da Mamografia Digital Gratuita'.

Não custa nada e é por meio do número diário de pessoas que clicam que os patrocinadores oferecem a mamografia em troca de publicidade.

E assim estaremos ajudando a salvar este site tão importante.

Este gesto fará uma enorme diferença.
http://www.cancerdemama.com.br

segunda-feira, 6 de outubro de 2008

Gastronomia Mimosa de Fazenda


Uma das cachoeiras da Estância Mimosa
Fotos: André Seale

Muitas cidades pelo mundo são consideradas "turísticas" por suas atrações/belezas/bizarrices. Em geral, essas são as que a gente vai sem pensar muito no que vai comer porque o lugar se basta. Fernando de Noronha é um bom exemplo disso: se vou tomar toddynho ou champanhe, não interessa; o legal lá é mergulhar.

Mas há para mim um quê a mais num destino quando ele possui, além das atrações supimpas, uma delícia gastronômica qualquer. Mesmo que seja uma simples torta de chocolate, como Viena, ou um guaraná diferente (e rosa!) chamado Jesu.s, como no Maranhão. Aquela comidinha especial acrescenta sensações ao viajante que experimenta um lugar.

Em Bonito, da primeira vez que fui, nada existia de "exótico gastronomicamente" além da carne de jacaré - que eu logo fiquei encafifada com sua sustentabilidade - e da cachaça Taboa, feita com canela e muito deliciosa, por sinal. Mas quando se vai a Bonito, vai-se para curtir a natureza e a comida é um detalhe. Dessa vez, entretanto, além da carne de jacaré notei que há um movimento de vários restaurantes para melhorar a qualidade gastronômica da cidade, incorporá-la à visão pantaneira de alimentação, principalmente vendendo as chamadas carnes exóticas (javali, cateto, etc.) além de um sem-fim de pratos com peixes. E a carne de jacaré continua lá como carro-chefe - me garantiram vir de um criadouro em Miranda... Mas nenhuma dessas exoticidades gastronômicas se compara a mais simples e maravilhosas das atrações que visitei no último dia em Bonito: a Estância Mimosa. E que coloca Bonito de vez, a meu ver, na rota do turismo agrogastronômico.

Não são muitos os visitantes que vão à cidade e têm tempo para apreciar a Estância Mimosa. Mas deveriam. A fazenda tem uma trilha com diversas cachoeiras, muitas delas possível de se banhar, lindas e em meio a uma área bem preservada, com microambientes de cerrado e mata ciliar, rica em animais (alguns ameaçados). Passam-se cerca de 4 horas andando, quase o tempo todo ouvindo o barulho do rio correndo.











Trechos da trilha da Estância Mimosa.

Mas é a comida na Estância Mimosa que impressiona. Assim que chegamos, fomos recepcionados com um "lanchinho" da manhã, com bolos diversos, café servido em canecas de metal pintado (na melhor tradição da roça), sucos, um monte de geléias caseiras de frutas da região com biscoitinhos e um pote enorme de requeijão feito em casa - que na hora que chegamos ainda estava quentinho, tinha acabado de ser feito! Só ali, naquele início de visita, devo ter engordado um quilo.


O "lanchinho" inicial.
Na companhia do guia Rafael, saímos só eu e André para a trilha, já bem alimentados. Rafael foi sensacional. Enquanto caminhávamos, contou diversas histórias de Bonito, de sua atuação como turismólogo, da vida na fazenda, dos detalhes ambientais do local, mostrou macacos, jabutis, nos fez passear de barco por um trechinho do rio, deu risadas quando contamos algumas de nossas aventuras pelo mundo, enfim, se enturmou com a gente. O barato dessa trilha é que você não se cansa muito, apesar de andar bastante: como há inúmeras paradas para banhos em cachoeira, toda hora você se refresca. Caminha, nada, caminha, nada, e nesse ritmo vamos relaxando em ar puro.

















Ah, um banho de cachoeira num dia ensolarado...











Um mutum-de-penacho (Crax fasciolata, esse aí uma fêmea com filhotes), animal de "estimação" que perambula pelo quintal da Estância Mimosa - e ameaçado de extinção. Ao lado, uma visão da cachoeira de dentro de uma caverninha atrás da queda d'água.
Mas é depois da trilha que vem o melhor: o almoço na Estância. É comida de fazenda, feita toda ela em fogão de lenha. Nada de pratos mega-requintados: aqui o sabor está na simplicidade. É feijão com linguiça, arroz carreteiro, farofa de banana, carne ao molho de urucum, tudo farto e com gosto fresco de verdade. As verduras vêm todas da horta, as frutas do quintal, e ficam expostas em uma "pia" de água do rio corrente que no passado servia como pia de verdade para a casa, onde se lavava louça, etc. Hoje é decorativa – e que decoração. Adorei.












A comida sendo servida ainda no fogão a lenha; ao lado, as saladas que ficam nesse "mini-córrego" dentro da cozinha. Um barato!

É humanamente impossível comer apenas um prato, porque há um sabor especial e delicioso de roça em cada garfada. De modo que, depois do 2º ou 3º prato, parti para a sobremesa - e vem mais uma leva enorme de doces. Os que mais gostei foram os de jaracutiá queimado, de melancia (maravilhoso!) e o pé de moleque feito em casa. Mas comi um pouquinho de todos, para provar tudo, é claro.












A mesa de doces... o mais central é o de melancia, que eu mais recomendo a qualquer um que visite a Estância Mimosa. Simplesmente perfeito. Ao lado, meu café em canequinha de metal, verdadeira volta no tempo.

Ainda finalizei essa indulgência alimentar com um cafezinho básico. Perguntei então ao Rafael como ele sobrevive magro ali naquele ambiente onde se come tão bem todo dia. Ele sorriu e revelou: "Já engordei 6kg desde que cheguei aqui".

Fica aí a dica para aqueles (raros) seres que têm dificuldade de engordar: uma semana na Estância Mimosa dão jeito em qualquer magreza esquelética. E garanto, de forma saborosa e saudável.

Por Lúcia Malla do Blog "Uma Malla pelo Mundo"

quinta-feira, 2 de outubro de 2008

As delícias saudáveis do Recanto Ecológico Rio da Prata

O funcionário Hilomar e vegetais colhidos da horta do Prata
A horta cultivada no Recanto Ecológico Rio da Prata é toda orgância, sem nenhum uso de agrotóxicos ou defensivos químicos. Tudo ali é sustentável. O solo é adubado pelo lixo orgânico da fazenda, gerado por decomposição natural.

É no minhocário que a terra é adubada e arenada, tornando-a mais fértil. Nesse solo são plantandas todas as verduras consumidas na fazenda, por turistas e funcionários. E como fazem para combater as pragas? Certos vegetais como: citronela, tabaco, arruda e pimenta, que espantam as pragas, são plantados em lugares estratégicos.

Vegetais como alface, rúcula, manjericão, tomate, cebolinha, berigela, quiabo, beterraba, abóbora são colhidos fresquinhos e vão direto para a mesa do turista.

A bióloga Lúcia Malla, dona do blog Uma Malla pelo Mundo, esteve na fazenda e conferiu de perto todo o trabalho realizado na horta: "É tudo tão verde-intenso-natural, que dá vontade de comer salada imediatamente".

E é através do trabalho de funcionários como o Hilomar (o famoso Melzinho do Prata), o Jairo e o Claudionor (Mais conhecido como Coronel), que a manutenção da horta orgânica é possível. Além de cuidado e experiência, é preciso muito carinho. Valeu equipe Rio da Prata!
Fotos: Divulgação e André Seale